17
maio
08

Salvador sofre com as fortes chuvas

 A cidade do Salvador não está preparada, nem nunca estará, para o período das chuvas. Como em todos os anos, os problemas se repetem. Onde não existe planejamento, não pode existir sucesso, ou acerto. O problema é que não se faz drenagem, nem microdrenagem, nem nada de concreto para resolver a situação. São realizados apenas paliativos. Nenhuma ação baseada na realidade. Por isso, basta chover, todo o ano é a mesma história.

André Pinheiro

A Sumac esclarece:

 A Prefeitura do Salvador, através da SUMAC, que é a autarquia responsável pela manutenção e conservação da cidade, realiza diuturnamente um trabalho de macro e micro drenagem, com a limpeza dos canais e da rede pluvial da cidade. Acontece que a rede é antiga, dimensionada para atender  à população da época da sua implantação, mas sempre que é identificado um ponto de alagamento, a SUMAC trabalha para desobstruir ou, quando possível, substituir a rede existente, como está sendo feito na bacia da avenida Centenário e em breve do Itaigara, onde sempre alaga quando a chuva é muito forte.

17
maio
08

Buracos nas ruas podem provocar acidentes graves no trânsito

Pedimos aos órgãos municipais competentes providências para acabar com um grande buraco existente na Rua José Mares Pinto (antigo Beco do Cirilo), transversal na Estrada da Rainha. Providências que devem ser tomadas com urgência, isso porque os moradores estão preocupados, pois, quando passam carros pesados, como caminhões-baú, há risco de capotagem. Além disso, o buraco, a cada dia, vem aumentando e se estendendo para a calçada.

Sérgio Noronha

A Sumac responde:

A Gerência de Operações da SUMAC já programou para este final de semana o serviço para eliminar o buraco no Beco do Cirilo. O que ocorreu foi o rompimento da manilha da rede pluvial, causando a fuga de material e conseqüentemente o buraco na referida rua. A Sumac tranqüiliza os moradores e usuários do local, afirmando que na segunda-feira já se poderá trafegar normalmente na área.

 

03
maio
08

Assaltos constantes na Estrada Velha de Campinas

Moro na Estrada Velha de Campinas, imediações do Km 4,5, (começo da Estrada Velha do Aeroporto)  e no local não há um ponto de ônibus próximo. O pior momento é à noite. Os moradores têm que caminhar cerca de 700 m por um trecho escuro e deserto, onde já aconteceram vários assaltos praticados, muitas vezes, por motoqueiros. Inclusive já levei uma coronhada de um bandido, no rosto. Já solicitei à Secretaria de Transportes que fosse colocado um ponto de ônibus no local, mas prometeram realizar um estudo e nada foi resolvido.

                                 Edson Gomes

A STP responde:

A Superintendência de Transporte Público (STP) informa que, através da Gerência de Projetos, estará incluindo esta comunidade no roteiro dos técnicos da STP e da SET (Superintendência de Engenheira de Tráfego) que vão analisar as possibilidades técnicas para a instalação do ponto.

18
abr
08

Acúmulo de lixo em Pau Miúdo atrapalha passagem de pedestres

A quantidade de lixo entre as ruas Marquês de Maricá e a Madalena Paraguaçu (final de linha) do bairro de Pau Miúdo é absurda. No local há   apenas um contêiner pequeno. As pessoas jogam colchão, resto de verduras e de construção. É uma porcaria só. O caminhão de lixo não passa por lá todos os dias. E aí fica aquela meleira. Os moradores têm ainda que dividir o espaço com os carros. Outro dia, para me livrar do entulho, tive que andar no meio fio e uma moto quase me pega.

Clotildes de Jesus

A Limpurb responde:

A Limpurb informa que  trata-se de um ponto de descarte de entulho. Para evitar transtorno no trânsito de 7 às 9 horas, a Limpurb foi orientada pelo órgão competente de trânsito a  efetuar a coleta somente a partir das 9 horas. A coleta normal do bairro do Pau Miúdo é efetuada diariamente, de segunda a sábado, no horário noturno, não sendo registrado nenhum problema de acúmulo de lixo durante a semana.

 

08
abr
08

Acesso Norte continua às escuras

Já que há um banho de luz na cidade, por qual motivo o Acesso Norte (trecho da Br-324), principalmente até a entrada da Avenida Luiz Eduardo, continua totalmente às escuras? Sei que a rodovia é Federal, mas ela corta boa parte da cidade.

Inaldo Araújo

A Sesp responde:

A Secretaria Municipal de Serviços Públicos (Sesp) informa que o projeto Banho de Luz está desenvolvendo um estudo macro da região que deve ser conveniado ao Governo Federal. “Entendemos que o trecho é uma parte da cidade muito movimentada e como qualquer via pública há a necessidade de iluminar adequadamente“, acrescenta o órgão.

31
mar
08

Motorista arrasta ônibus bruscamente

barramar.jpgNo último dia 24, como em todos os dias, fui para Estação Pirajá, entre 6h20 e 6h40, e peguei o ônibus 0794 que faz a linha Estação X Pituba, da empresa Barramar. O ônibus enche muito, mas o motorista tem que esperar todos entrarem no ônibus. Aconteceu exatamente o contrário. Quando estava um aglomerado de pessoas na porta, inclusive eu e minha esposa, o motorista arrastou o carro bruscamente, andando pelo menos cem metros até parar com os gritos dos passageiros. Ele via tudo pelo retrovisor e não segurou o carro porque não quis. Por pouco não acontece uma tragédia, tendo eu e mais algumas pessoas como vítima. Gostaria de frisar que isso vem acontecendo com grande freqüência e parece que só vai parar quando alguém perder a vida debaixo de um ônibus daquele. O segurança que toma conta da fila, um rapaz de rosto arredondado, só fez a segurança enquanto tinha cadeira vazia. Assim que completou  os lugares do ônibus, ele saiu da fila, permitindo que as pessoas invadissem o carro. Isso foi um agravante para o posterior acontecimento citado acima. Conto com a colaboração da STP para que coisas como essa não fiquem sem punição e que os motoristas saibam que têm gente de olho neles. No mesmo dia tentei entrar em contato com o Ciac, mas ainda não obtive êxito.

Adilton Venegeroles

A STP responde:

A Superintendência de Transporte Público (STP) informa que o fato foi comunicado à Gerência de Fiscalização, que, junto ao chefe da fiscalização da Estação Pirajá, já está apurando a ocorrência para as devidas providências.

29
mar
08

Agentes de saúde da Real Sociedade Espanhola exigem o pagamento do salário

Agentes de saúde

Gostaria de saber como fica a situação dos profissionais que não são agentes de saúde, mas que estão trabalhando pela Real Sociedade Espanhola. Já estamos sem receber salário e vamos ficar também sem receber nossos tempos de serviços prestados? Queremos nossa situação resolvida.

Funcionário (a) da Real Sociedade Espanhola
 

A Real Sociedade Espanhola responde:

A Real Sociedade Espanhola informa que os salários referentes ao mês de fevereiro dos funcionários do Programa de Saúde da Família (PSF) já foram  depositados nas contas dos mesmos. A Real Sociedade continua, agora, no aguardo, para que a Secretaria da Saúde repasse o montante referente aos salários do mês de fevereiro dos agentes epidemiológicos. Esclarece, ainda, que, de acordo com a audiência realizada no dia 24/3 com a prefeitura e o Ministério Público do Trabalho, a partir do mês de abril, estes funcionários passam a receber diretamente da prefeitura. As carteiras de trabalho receberão baixa assim que a prefeitura decidir se os profissionais terceirizados serão contratados através de Reda ou concurso público.

Envie também sua reclamação para o e-mail ssantos@grupotarde.com.br. Mais informações no conteúdo exclusivo do Jornal A TARDE.